Estado recupera quase 40% das vagas perdidas na pandemia

#PortalEstáEmTudo



O estado do Rio Grande do Sul recuperou quase 40% das vagas de trabalho formal perdidas durante a pandemia. De julho a outubro, o Estado criou mais de 50 mil empregos com carteira assinada.


Os dados apurados oferecem certo alívio, mas não dissipam as incertezas. Nas últimas semanas, amargamos novo aumento nos casos de Covid-19, o que restringiu o horário de funcionamento de diversas empresas. Economistas temem que a piora na pandemia possa colocar um freio na reação do mercado de trabalho.


O desempenho positivo, entretanto, é inegável: de julho a outubro, criou-se 51,1 mil contratações a mais do que demissões.


Por todo o país, comemora-se os sinais de melhora na geração de vagas de emprego formais. De julho a outubro, criou-se 1,09 milhão de postos com carteira assinada, uma recuperação de quase 70% em relação às vagas perdidas desde março, quando iniciou-se a pandemia de Covid-19.


Economistas atentam que, durante os próximos meses, a velocidade da recuperação ficará sujeita ao comportamento do vírus. Por isso, ressaltam a importância de seguir as medidas protetivas sanitárias, a fim de conter o avanço da doença e, consequentemente, seus efeitos sobre a economia.


WhatsApp-icone.png