Colégio Eleitoral confirma Biden como presidente dos Estados Unidos

#PortalEstáEmTudo



O Colégio Eleitoral dos Estados Unidos oficializou, nesta segunda-feira (14), a vitória de Joe Biden na eleição presidencial americana de 3 de novembro.


Os delegados se reuniram em seus respectivos estados para escolher formalmente o democrata como o 46º presidente dos Estados Unidos e Kamala Harris como vice, após 41 dias do pleito.


Agora, as cédulas serão enviadas para Washington, onde serão formalmente recebidas em uma cerimônia solene em janeiro no Congresso americano. A posse de Biden está prevista para 20 de janeiro de 2021.


Biden e Harris ultrapassaram oficialmente os 270 votos mínimos no Colégio Eleitoral para vencer a disputa contra o atual presidente Donald Trump, após os 55 votos da Califórnia.


Ao todo, a dupla deve conquistar os 306 delegados, contra 232 do republicano. O número é o mesmo que havia sido projetado pela imprensa americana.


Os resultados da votação já haviam sido certificados pelos 50 estados americanos, assim como pelo Distrito de Columbia, capital de Washington.


Biden foi declarado eleito no pleito pelas tradicionais projeções realizadas no país no último dia 7 de novembro, após atingir os 270 votos necessários no Colégio Eleitoral. A votação de hoje, porém, é considerada apenas como uma formalidade, mas chamou atenção, principalmente, devido à recusa de Trump em reconhecer sua derrota e à insistência de alegar fraude eleitoral.

A expectativa é de que o ex-vice de Barack Obama faça um pronunciamento na noite desta segunda. Em antecipação ao discurso, Biden afirmou que "a chama da democracia se acendeu nesta nação há muito tempo". "Agora sabemos que nada, nem mesmo uma pandemia ou abuso de poder, pode apagar essa chama".

Fonte: Terra

WhatsApp-icone.png