Brasil vence a Venezuela na largada da Copa América

#PortalEstáEmTudo


A Seleção Brasileira venceu a Venezuela pelo placar de 3 a 0 na estreia da contestada Copa América. A partida foi disputada no início da noite deste domingo, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Marquinhos, Neymar (pênalti) e Gabigol marcaram os gols da vitória. O Brasil está no grupo B juntamente com outras quatro seleções. Quatro delas avançam às quartas de final. O próximo compromisso da Seleção será na quinta-feira, às 21h, no Engenhão, no Rio de Janeiro, contra a Seleção do Peru, atual vice-campeã da competição.

O jogo

A Seleção Brasileira dominou a Venezuela na etapa inicial, pressionando e mantendo o rival no campo de defesa desde os primeiros instantes da partida na Arena Mané Garrincha. O período terminou 1 a 0 para o Brasil, mas poderia ter sido bem mais.


Logo aos sete minutos, Neymar cobrou escanteio fechado, Richarlison se antecipou e desviou de cabeça. Gabriel Jesus apareceu, mas não conseguiu alcançar a bola. Logo em seguida, aos nove, Richarlison finalizou de perna esquerda e só não abriu o placar porque Graterol realizou grande defesa.


Antes do primeiro gol brasileiro, Militão, aos 10, e Danilo, aos 19, por pouco não inauguraram o placar. Até que, na marca dos 22 minutos, Neymar cobrou escanteio, a bola desviou na defesa venezuelana e sobrou para Marquinhos completar para o fundo das redes.


O terceiro por pouco não aconteceu aos 29 minutos, quando Militão conseguiu lindo lançamento para Neymar, que dominou com categoria, balançou para cima da marcação e chutou rasteiro. A bola tirou tinta da trave de Graterol.


A Canarinho seguiu com a mesma postura na etapa final: no ataque. Já aos sete minutos, Gabriel Jesus tabelou com Éverton Ribeiro e chutou cruzado. Neymar deu um carrinho e quase conseguiu alcançar a bola.


Mas o segundo gol do Brasil foi questão de tempo. Aos 16, Danilo sofreu falta dentro da área. Pênalti para o Brasil. Neymar, com a categoria de sempre, deslocou o goleiro Graterol e anotou o segundo verde e amarelo.


Mais tarde, aos 37, quase uma pintura em Brasília. Neymar recebeu na esquerda, arrancou, tabelou com Gabi, invadiu a área e finalizou buscando o cantinho direito. A bola saiu pela linha de fundo.


Só que a Seleção queria mais. Na marca dos 43, Neymar recebeu na esquerda, limpou Graterol e cruzou na primeira trave. Gabi escorou com o peito para o fundo das redes e deu números finais ao placar da Arena Mané Garrincha.


Brasil: Alisson; Danilo, Éder Militão, Marquinhos e Renan Lodi (Alex Sandro); Casemiro, Fred (Fabinho) e Lucas Paquetá (Everton Ribeiro); Neymar, Richarlison (Gabi) e Gabriel Jesus (Vinicius Júnior).


Fonte: O Nacional

WhatsApp-icone.png